sábado, 4 de maio de 2013

Amor Perfeito; Mito ou Verdade?

Algumas pessoas criaram essa visão de que existe o amor perfeito e dão a ideia de perfeição, daquilo que é completo e sem erros. Nada é perfeito e disso sabemos muito bem, todos somos diferentes, e a ideia de perfeição no amor não existe, não à. 

Podemos amar e sermos amados, mas em algum dia, ou momento nós iremos nos decepcionar com a outra pessoa, porque isso acontece, e é nesse momento que começamos a conhecer mais intimamente o próximo, dai você verá se ama mesmo aquela pessoa. É do ser humano pressupor algo sobre alguém, quando olhamos as pessoas a primeira vista, já damos suposições de como ela é, como ela trata as coisas, suas atitudes. E por que fazemos isso? Porque nós seres humanos, no primeiro encontro só damos o nosso lado perfeito, só nos mostramos excelentes e bem cientes das coisas, e ao passar dos tempos vamos passando aos poucos quem realmente somos, pois ninguém gosta de mostrar suas falhas, de falar sobre seus erros, não é mesmo? Então essa conversa de amor a primeira vista não existe, não em total verdade, pois a pessoa gostou do que viu e posteriormente levou os erros do outro como aceitáveis, e a amou.

Esse termo de amor perfeito sem espaço para erros não existe, agora só não vamos pensar que o amor não é perfeito e por isso as pessoas traem, não, não misturem isso, esse assunto de traição já é outra questão, trair é um erro muito grave e é de cada um tratar esse erro como aceitável ou não, vai depender de seu caso, portanto, amar é reconhecer os erros do próximo e os seus próprios. Nós podemos usar o termo "amor perfeito" desde que seja aquele que erra e reconhece suas falhas, e tenta muda-las para que não decepcione mais a outra pessoa. As vezes nós não conseguimos ver as nossas falhas, e precisamos dos outros para enxergar onde nos equivocamos. Mas lembrem! Nós somos seres imperfeitos, erramos por natureza, mas podemos evoluir, e a beleza da vida está nisso, na evolução.

Nenhum comentário:

Postar um comentário